Ad
Ad
 
GESTÃO

O que é a margem de contribuição

Pinterest LinkedIn Tumblr

Poucas pessoas que têm um negócio próprio sabem o que é e por que a margem de contribuição é tão importante. A maioria não o conhece ou não entende o que ele pode fazer para a contabilidade de uma empresa.

Se você tem a sensação de que, embora faça muitos atendimentos, a clínica não está gerando os lucros esperados ou que o que foi recebido não é o suficiente para pagar as contas ou ainda que não há como seu negócio ser viável, esses são sintomas de que a margem de contribuição (total e unitária) está incorreta.

Conceito de margem de contribuição

Para resumir, a margem de contribuição é uma espécie de lucro, conhecido como lucro bruto. Ela é encontrada através da diferença entre a receita de um ou mais atendimentos feitos em sua clínica e as despesas variáveis e custos relacionados.

Podemos criar uma fórmula para a margem de contribuição:

Margem de Contribuição = Preço da venda – Custo variável

Explicando ainda mais o que seria a margem de contribuição, podemos dizer que ela é toda a quantia que sobra do valor da venda depois que você subtrai as despesas variáveis e custos do seu serviço.

Como despesas variáveis, você deve considerar tudo aquilo que faz com que seu serviço seja prestado, como matéria-prima, impostos, custos de luz, custos de água, aluguel de imóvel etc.

Como esses custos e despesas variáveis são tão importantes para a margem de contribuição e para os lucros de sua empresa, você deve fazer seu controle rígido. Por isso:

1. Registre todos os custos de seu serviço;

2. Controle todos os indicadores financeiros;

3. Realize análises frequentes da margem de contribuição;

4. Faça uma precificação condizente com o lucro que deseja alcançar.

Impacto na contabilidade

A margem de contribuição é muito importante para você conseguir precificar seu serviço, adequando ao lucro que deseja alcançar. Assim, será possível garantir a sobrevivência do negócio de maneira sustentável.

É preciso lembrar que o valor de cada venda de um serviço contribuirá para o fechamento das contas no fim do mês. E se este valor estiver abaixo da quantia que você necessita para efetuar esses pagamentos, você terá dívidas e não lucro.

Além disso, também não adianta receber um valor para os seus serviços em que somente seja possível pagar os custos, sem a obtenção de lucro. Assim, não haverá como você investir no negócio e nem ganhar dinheiro com ele.

Qual a margem de contribuição ideal?

A primeira coisa que você precisa entender é que a margem de contribuição não é uma coisa estática e imutável. Ela varia de serviço para serviço e de empresa para empresa. Além disso, pode variar ainda por causa do mercado, do tempo e da concorrência.

Sendo assim, a sua margem de contribuição ideal deve vir da resposta a uma outra pergunta: Quanto você quer receber de lucro no fim do mês? Assim, você conseguirá adequar sua contabilidade, acertando o preço e os custos de manter seu negócio.

Gostou do post? Ele tirou suas dúvidas sobre o que é margem de contribuição? Compartilhe o texto para ajudar outras pessoas a entender sua importância. Acesse nosso site e cadastre-se para receber notícias importantes por meio de nosso newsletter.

Write A Comment