Rede de saúde e estética masculina fatura mais de R$ 10 milhões ano

Com 11 unidades, Homenz Franchising projeta 500 espaços em operação nos próximos cinco anos

Perspicaz e com espírito empreendedor, o CEO e fundador da Homenz Franchising, Luis Fernando Carvalho, encontrou em uma necessidade pessoal a chance de se destacar e fazer dinheiro ao investir em um nicho de mercado pouco explorado: o de estética e saúde masculina.

Afinal, sempre que falamos em estética e beleza pensamos no público feminino. Mas os homens cada vez mais demandam estes serviços.

Apesar do perfil do consumidor masculino ser outro, ele busca pela mesma qualidade e conforto que as mulheres. Foram três anos de estudo até que Luis Fernando criasse a primeira rede de franquias premium da América Latina voltada á depilação, estética e saúde masculina: a Homenz Franchising.

O projeto nasceu em Uberaba (MG), em 2018, e atualmente está em cinco estados brasileiros. São 11 unidades em operação e, até dezembro, outras quatro estão previstas para serem inauguradas. Nos próximos cinco anos, a projeção da franqueadora é para que 500 clínicas da rede estejam em funcionamento.

Com investimento a partir de R$ 350 mil, clínica tem faturamento acima de R$ 1 milhão ao ano, por unidade.

 

Projeto

O Brasil é o segundo maior mercado de estética masculina no mundo. Atualmente, 30% deste segmento nacional é de homem. Além disso, 43% do público se consideram supervaidosos e 54% frequentam regularmente barbearias ou salões de beleza.

Luiz Fernando Carvalho CEO da Homenz

“Gosto de me cuidar e uma vez fui até o espaço da minha irmã Arlise Carvalho que é da área. Quando cheguei me senti envergonhado, pois na recepção haviam apenas mulheres. A situação piorou quando me deparei com uma pessoa conhecida”, relembra o CEO. “Comentei com a Arlise sobre o constrangimento e ela disse que era normal. Que esta era uma reclamação comum entre seus clientes do sexo masculino”, acrescenta.

 

Hoje, Arlise está à frente da primeira unidade da franquia, em Uberaba. Entre os projetos para os próximos anos está a criação de uma unidade “Slim”.

“São clínicas menores, que consequentemente precisam de investimentos inferior. Esta é uma forma de popularizar o segmento e os atendimentos”, afirma Luis Fernando.

Frente a este novo desafio, o fundador da franchising vai esperar para levar o projeto ao exterior. “Temos investidores de outros países interessados na marca. Mas hoje, nosso foco é expandir a Homenz no Brasil. Inclusive, temos como objetivo incluir homens nos atendimentos. Hoje, estes são realizados por mulheres e existem homens que preferem ser atendidos por outros homens”, revela.

 

Mercado

Para 2023, o mercado global de beleza masculina deve alcançar faturamento de 78,6 bilhões de dólares.

Os serviços oferecidos pela clínica são variados e incluem epilação, clareamento e harmonização facial, terapia capilar, emagrecimento, performance esportiva, entre outros. A Homenz também atua com transplante capilar.

“As cirurgias dos transplantes capilares são feitas em nossa sede localizada no bairro Jardins, em São Paulo (SP). Todo acompanhamento pós-operatório pode ser feito nas demais unidades”, explica o CEO da Homenz.

 

Dados

Dados apresentados pela Homenz Franchising apontam que 50% dos homens até 50 anos sofrem de calvície; 57% estão com sobrepeso, 41% são sedentários e 19% estão obesos. Entre os tratamentos mais procurados na franquia estão depilação a laser (46%), tratamentos capilares (37), emagrecimento (28%), medicina esportiva (22%) e estética facial (15%).

Mais de 60% dos clientes têm entre 24 e 40 anos. Entre os clientes, 85% nunca haviam realizado tratamento em uma clínica especializada para homens. Além disso, 30% tem um ou mais filhos.

Compartilhar:

Facebook
Twitter
Pinterest
LinkedIn

Siga-nos:

Populares

Get The Latest Updates

Subscribe To Our Weekly Newsletter

No spam, notifications only about new products, updates.